Materiais sobre PostGIS

Image from: PostGIS online

Image from: PostGIS online

Bom, após algum tempo sem publicar nada (não pela falta de assunto, mas pela falta de tempo), venho divulgar alguns materiais sobre o uso do PostGIS.

Ano passado (2014) fizemos um encontro de usuários de QGIS onde um dos temas abordados foi a integração do QGIS com outros softwares. No caso da apresentação foi dada ênfase ao R e ao PostGIS. Para quem não assistiu à apresentação, segue o link. A ideia era justamente apresentar alguns dos potenciais no uso do PostGIS, e muitos foram os e-mail recebidos pedindo mais informações e materiais sobre o PostGIS. Resolvi compilar alguns e publicar por aqui:

TUTORIAIS

A empresa Boundless, especialista em soluções espaciais livres, possui em seu site em pequeno, mas poderoso tutorial de Introdução ao PostGIS. São 34 ‘capítulos’ e dão um panorama bem geral e consistente sobre manuseio de dados, construção de consultas e principais ferramentas.

O PostGre, possui também uma extensão dedicada à análises e definição de rotas, chamada de PGRouting. No site dos desenvolvedores da extensão há um tutorial básico para aprender a manusea-lo.

LITERATURA

Além desses tutoriais práticos e gratuitos, há livros dedicados ao tema. O primeiro a sair (em 2011, se não me engano) foi o PostGIS in Action. Trata-se de uma apresentação bem didática e detalhada (apresentando inclusive, a construção de consultas em SQL) sobre o PostGIS.

Posteriormente, foi lançado o PostGIS Cookbook. Com uma proposta diferente ao PostGIs in Action, o PostGIS Cookbook apresenta funções, ferramentas e truques para os principais desafios ‘cotidianos’.

OUTRAS PUBLICAÇÕES

Eu percebí, durante o XVII Simpósio Brasileiro de Sensriamento Remoto (SBSR), que foram publicados alguns bons trabalhos usando PostGIS. Por isso resolvi pesquisar o Anais do evento, e tive acesso à três trabalhos que dão ênfase ao uso do PostGIS (possuem PostGIS no título). Por curiosidade, segui pesquisando no histórico do XVI SBSR, onde apenas um trabalho tinha o PostGIS como ênfase. E, como era de se esperar, no XV SBSR, nenhum trabalho foi encontrado com a temática. Percebo uma evolução tímida em relação à quantidade de trabalhos. Contudo, em relação ao uso dado à ferramenta, vejo que há muita evolução nos trabalhos desenvolvidos, inclusive com o uso da ferramenta para Processamento Digital de Imagens. Vale a pena dar uma olhada!

Artigos do XVII Simpósio Brasileiro de Sensriamento Remoto (2015):

Aplicação de técnicas de processamento digital de imagens usando a extensão espacial PostGIS Raster em imagens de sensoriamento remoto
Adeline Marinho Maciel; Lúbia Vinhas; Gilberto Câmara

Pag.: 4651 – 4658
Area: Geoprocessamento e aplicações / Geoprocessing and aplications

Comparação do desempenho de extensões espaciais de SGBD: PostGIS e SpatiaLite
Rodrigo Evangelista Delgado; Pedro Lucas Lopes Zimmermann; Ivanildo Barbosa

Pag.: 3326 – 3330
Area: Sistemas, gerenciamento e política de dados / Data systems, management and policy

Integrando dados Raster à Plataforma da Embrapa de dados de Recursos Naturais dos Biomas Brasileiros: avaliação do uso da extensão PostGIS Raster
Carla Geovana do Nascimento Macário; Alan Massaru Nakai; Sérgio Aparecido Braga da Cruz; Thiago de Siqueira Pereira

Pag.: 2567 – 2573
Area: Geoprocessamento e aplicações / Geoprocessing and aplications

Artigos do XVI Simpósio Brasileiro de Sensriamento Remoto (2013):

Explorando a extensão WKT Raster  do PostGIS para armazenamento e manipulação de imagens de sensoriamento remoto

Lúbia  Vinhas; Karine Reis Ferreira

—————————————————

Vale a ena frisar que as buscas nos históricos do eventos do SBSR, não foi exaustiva. Portanto, caso vc tenha mais trabalhos, materiais e dicas, não deixe de deixar em seu comentário!

Abs

Felipe Sodré Barros

Anúncios

Sobre Felipe Barros

Geógrafo formado pela PUC-Rio, é mestre em Biodiversidade pelo Jardim Botânico do Rio de Janeiro e especialista em analise ambiental e gestão do território pela ENCE/IBGE. Trabalha com softwares livres de análise espacial, banco de dados e sensoriamento remoto.
Esse post foi publicado em Banco de Dados Geográficos e marcado , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s